sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

BEIJA- FLOR

Num dia qualquer de um janeiro qualquer um bando de beija-flores pousou em nossa Confraria da Poesia Informal. Eram os pássaros de todas as cores, de tamanhos diversos, buscando diferentes destinos. Mas, na breve parada na Confraria, beberam do nectar da poesia e nos deixaram versos... Depois partiram!


Doce, o beija-flor
não se furta a encantar
Todo furta-cor

Jorge Ricardo Dias





Ágil, todo amor!
Se eu pudesse, eu beijaria,
com carinho, a flor.

Gilson Faustino Maia





pelo beijo do beija-flor
o pólen penetra
amor emprenha a flor

Renato de Mattos Motta





Beija-flor

Beija-flor, senhor de minha inspiração
Voa majestoso e imponente sob o céu
Poliniza a bela rosa ainda em botão
E faz-se presente nos versos do papel

Quisera eu ser como um beija-flor
Livre a voar com seu canto feliz
Carregando o perfume do amor
No néctar e em suas penas sutis

Mas como não posso sair voando
Aceito minha condição de poeta
A vida? Devagar eu vou levando
Nessa minha trilha incompleta.

Filipe Medon






COLIBRI

Beija, com furor,
a última flor
do teu jardim.

Edweine Loureiro





Ei Beija Flor!
Beije estas flores
Flores para os poetas
Deixe-as nas janelas
Nos varais, nos quintais
Chame os vaga-lumes
Os lobos, os lobisomens
Uivem para a Lua
Na rua, nos matagais
Sorriam para as estrelas
Para os planetas
Para os poetas
Para a fada
Pra Catarina...´

Nina Barroso




Tudo que vivi
Tão vertiginoso
Urgência de colibri

Jorge Ricardo Dias





Na rota do beija-flor
perfumes e cores
Todas seiva, uma, amor

Jorge Ricardo Dias






Beija flor

Ciúmes de ti eu tenho
pois beija todas as flores
sente o doce e a beleza
contida nos seus amores.

Tiras o que delas é bom
sente em sua pele o suor
na leveza de suas asas
no aconchego do seu melhor.

Caminha no seu caminho
vai em paz sem direção
sorrir é seu brilho forte
não teme nenhuma paixão.

Alegre em seu caminho
tens a ausência da dor
busca o certo sentido
de viver beija-flor.

Rodolfo Andrade

2 comentários:

Graça Barreto disse...

LINDO BLOG, EU AMO BEIJA-FLORES, SÃO DÓCEIS, CATIVANTES E OS POEMAS E IMAGENS SÃO MTO LINDOS.
UMA LINDA TARDE!

Daniel Bueno disse...



Beija-flor

Eu vi um galhozinho
E nele um ninho
Com três filhotinhos
Perto um passarinho
Cuidando dos filinhos
Era um lindo beija-flor
Que tratava com amor
Os seus nenezinhos
Oba! Chegou o paizinho
Deu uma sentada
Ao lado da amada
Com comida na boca
Foi ao lado do ninho
Tratar os filinhos
Que de bocas
Abertas faziam alertas
De muita alegria
Era uma harmonia
Que contagia
A qualquer pessoa
Seja má seja boa
O coração ressoa
Coberto de amores
Pelos beija-flores
Que são filhos de Deus.
E lá vem a mãezinha
E com suas asinhas
Cobre os filinhos
Que ficam quietinhos
Logo vem o anoitecer
Vamos todos dormir
E esperar o porvir
Que será outro dia
Prá viver com alegria...
Daniel.